Resenha | Fúria Vermelha - Pierce Brown

Eu sou do tipo de pessoa que sempre tem a expectativa alta pra qualquer coisa, se você assistiu o vídeo de book haul deve ter visto como eu surtei quando ganhei o livro Fúria Vermelha e posso dizer esse livro é ótimo, a melhor leitura do ano até o momento.

Fúria Vermelha
Ano: 2014
Editora: Globo Livros
Páginas:468
Nota
Darrow tem 16 anos e vive no subsolo de Marte, escavando túneis subterrâneos como um mergulhador do inferno. Darrow é um vermelho e acredita que seu trabalho e de todos os vermelhos de sua colonia é escavar para deixar Marte habitável para os outros que ainda estão na Terra.

Após uma perda drástica , ele acaba descobrindo que tudo o que viveu era um mentira contada pelo Governo, Marte já foi colonizada há séculos e a sociedade é dividida por cores, mas os vermelhos que vivem sem ver a luz do sol ainda permanecem no subsolo para continuar escavando matéria prima para manter Marte viva.

Darrow consegue ir para a superfície com a ajuda dos rebeldes chamados de Filhos de Ares, ao chegar ele é recrutado para uma missão que tem como objetivo infiltrar-se na alta sociedade e libertar os vermelhos. Essa missão é dividida em partes: sobreviver a uma transformação, entrar no Instituto, passar nos testes e ser aprendiz de um Pretor que são aqueles de possuem cargos altos na sociedade.

Pierce fez um trabalho muito bom na narrativa do livro, ele sabe quando ser bem descritivo e quando não ser, por exemplo quando Darrow estava armando uma estratégia você não ficava sabendo na hora somente quando a ação estava acontecendo, não me lembro de ter lido outros livros que usam esse tipo de narrativa. As partes mais sanguinárias do livro não era tãoooo detalhadas o que pra mim é ótemo! 

O livro é uma ficção cientifica, mas tem um pegada meio medieval com algumas coisas de mitologia romana. Eu sei, parece uma mistura muito estranha e que não tem como dá certo, mas pode ter certeza casa muito bem.

Eu adorei a leitura e estou pronta para ler o próximo livro da trilogia que chama-se: "Filho Dourado" e já foi lançado aqui no Brasil pela Editora Globo Livros.

Só queria acrescentar também que a Globo Livros fez um ótimo trabalho na tradução do livro, pois deixou todos os palavrões mesmo. Quando eu peguei o primeiro palavrão eu parei, li de novo e reli porque eu não acreditei que ia rolar palavrão, eu tinha que comentar isso gente. :)

Abaixo algumas imagens dos detalhes do livro.





Não esqueça de comentar !

0 comentários:

Deixe seu comentário